Brasil

Para evitar greve, governo agenda reunião com líderes caminhoneiros

Diante de uma possível greve anunciada pelos caminhoneiros para o dia 1º de novembro, o Governo Federal decidiu marcar uma reunião com representantes da categoria para tentar solucionar o impasse. O encontro acontecerá na próxima quinta-feira (28).

A reunião será com representante do Ministério da Casa Civil e líderes caminhoneiros, além do presidente da Frente Parlamentar dos Caminhoneiros, deputado Nereu Crispim (PSL-RS). As informações são do Portal UOL.

O anúncio feito pelo presidente Jair Bolsonaro, na quinta-feira (21), sobre a concessão de auxílio-combustível para os motoristas de caminhão no valor de R$ 400 até o fim do ano, irritou ainda mais a categoria. Vários caminhoneiros se referiram ao benefício como “esmola”.

Os líderes caminhoneiros vão levar à reunião do dia 28 uma pauta que inclui o fim da paridade do preço do petróleo com o mercado internacional; a criação de um fundo de estabilização da tarifa dos combustíveis, criado com imposto sobre exportação do petróleo bruto; e maior pressão sobre o Supremo Tribunal Federal (STF) para que seja julgado o texto que estabelece o piso mínimo do frete.

O presidente da Frente Parlamentar de Caminhoneiros, deputado Nereu Crispim, afirmou que a categoria possui um plano completo para oferecer ao governo. “Se eles não sabem como baixar o preço dos combustíveis, os caminhoneiros sabem”, pontuou.

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock de Anúncios Detectado

Favor Desabilitar Bloqueador de Anúncios. Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios