Regional

Marcelo Nilo comenta “eleição duríssima” e não descarta apoiar ACM Neto

O deputado federal Marcelo Nilo afirmou, nesta quarta-feira (22/09), em entrevista ao Informe Baiano, que vai continuar no Partido Socialista Brasileiro (PSB) e está discutindo o assunto com a presidente da sigla, Lídice da Mata.

“Vamos trabalhar para ser eleito deputado federal dentro do partido. É óbvio que política é dinâmica. Ás vezes está de um jeito hoje e está de outro amanhã. Mas eu não penso em sair do PSB. Já sentei com a deputada Lídice, ficamos de sentar depois da decisão da coligação para ver meu espaço no meu partido”, pontuou.

Nilo também comentou a possibilidade de marchar com ACM Neto, que deve anunciar sua pré-candidatura ao governo baiano no início de dezembro. O parlamentar lembrou que recebeu um convite de Neto para ser senador na chapa do ex-governador Paulo Souto em 2014. Na época, o Democratas foi derrotado.

“Naquela época eu tinha 62 prefeitos e 8% nas pesquisas. Talvez se eu fosse o cenário seria outro. Se ele me convidar, eu sempre disse, não vou responder imediatamente. Até seria uma indelicadeza da minha parte responder imediatamente. Se ele me convidar, eu vou consultar a família, vou consultar o deputado Marcelinho Veiga, vou consultar meus prefeitos, minhas lideranças, meu grupo político. Agora, eu farei o que for melhor para a Bahia. E tomarei uma decisão. Agora, é óbvio que eu nunca fui convidado, mas se eu for convidado, dessa vez, eu vou pensar”, disse Nilo.

O ex-presidente da Assembléia Legislativa da Bahia (ALBA) também opinou sobre a disputa entre o ex-governador Jaques Wagner e Neto.

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock de Anúncios Detectado

Favor Desabilitar Bloqueador de Anúncios. Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios