Bahia

Vereador de Simões Filho propõe reduzir em 50% os salários de parlamentares e prefeito por causa do coronavírus

Vereador de Simões Filho propõe redução de salários de parlamentares e prefeito em 50% por pandemia de coronavírus

Com a intenção de economizar mais de R$ 2,5 milhões em recursos públicos até o fim do ano, para serem aplicados no combate ao novo coronavírus (Covid-19), um vereador de Simões Filho (BA), na Região Metropolitana de Salvador (RMS) propôs a redução de 50% nos salários do prefeito, vice, secretários, vereadores e superintendentes durante a vigência do estado de calamidade pública nacional pela pandemia de coronavírus.

O vereador Everaldo da Silva – Vel (PRP) disse que vai protocolar o projeto na Câmara na próxima segunda-feira (13/04). Com o ofício protocolado, caberá aos membros da mesa diretora decidirem se vão ou não atender à solicitação dos parlamentar. Em seguida, a mesa apresenta os argumentos da decisão e abre para votação ou não em uma sessão extraordinária, já que as sessões estão suspensas por causa da pandemia.

A informação foi divulgada pelo próprio parlamentar durante entrevista na noite desta sexta-feira (10/04) em live do Papo de Carona, sob o comando de Edy Carvalho.

De acordo com Vel, a proposta prevê a diminuição dos salários, além dos vereadores, do prefeito, vice-prefeito, secretários municipais, superintendentes, entre outros cargos com altos salários. “Vou protocolar o projeto na Câmara de Vereadores segunda-feira”, disse Vel.

Maiores salários em Simões Filho?

  • Prefeito. R$ 26.800
  • Vice-prefeito: R$ 13.400
  • 19 vereadores: R$ 12.600 (cada)
  • Secretários: R$ 11.300
  • Superintendentes: R$ 9.600

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock de Anúncios Detectado

Favor Desabilitar Bloqueador de Anúncios. Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios