prefeitura bonfim 18
TAVARES
Brasil

Marco Aurélio nega pedido de Flávio Bolsonaro e mantém investigação no MP-RJ

Foto: Nelson Jr./SCO/STF

Foto: Nelson Jr./SCO/STF

Como previsto, o ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou nesta sexta-feira (1º) o pedido do senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) para que as investigações sobre o caso Coaf fossem realizadas pela Corte. Com isso, o inquérito continua no Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ).

A investigação estava suspensa desde o último dia 17 de janeiro, por determinação do ministro Luiz Fux, do Supremo, que estava à frente do plantão do tribunal durante o recesso.

Fux interrompeu a apuração do MP-RJ até que Marco Aurélio, relator do caso no STF, pudesse avaliar o pedido de Flávio.

O senador eleito alegou que a investigação deveria ser conduzida pelo Supremo, em função do foro privilegiado.

Em relatório, o Conselho de Controle de Atividades Financeiras apontou movimentações financeiras atípicas na conta de Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj). Com informações da Folha.

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique Também

Close

Adblock de Anúncios Detectado

Favor Desabilitar Bloqueador de Anúncios. Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios