Regional

Prefeitura inaugura Centro de Atenção Psicossocial (CAPS I) em Andorinha

Prefeitura inaugura Centro de Atenção Psicossocial (CAPS I) em Andorinha

A população de Andorinha já pode celebrar a implantação de mais um serviço de grande importância na área da saúde. Trata-se do Centro de Atenção Psicossocial – CAPS I – Gregório Viana da Silva, inaugurado pela prefeitura na noite da última quarta-feira, 3 de outubro.

“A criação do CAPS promove uma grande mudança no atendimento de saúde para reinserção de pacientes com problemas psiquiátricos na sociedade”, falou o psicólogo Muriylo Lôbo.

O CAPS conta com uma equipe multiprofissional completa, formada por médico, psicólogo, enfermeiro, terapeuta ocupacional, técnico de enfermagem, assistente social, entre outros profissionais que auxiliam o acompanhamento dos pacientes.

“Hoje é um dia muito especial. Ter uma unidade de saúde para pessoas que tem transtorno mental ou precisam de terapia em nossa cidade é uma grande conquista para nosso povo”, disse o secretário de Saúde, Pablo Campos.

A solenidade de inauguração contou com a presença do Prefeito Renato Brandão e do vice Zelitinho, vereadores, secretários de governo, servidores municipais e o povo em geral. O evento foi animado pela filarmônica do 6º Batalhão da Policia Militar.

O senhor Acelino Ferreira da Silva participou da solenidade de inauguração, ele é pai de dois filhos com transtornos mentais. “É um sonho realizado em nossa cidade, os moradores devem reconhecer a gestão do prefeito Renato, estou muito agradecido”, destacou Acelino.

Depois do corte simbólico da fita de inauguração do prédio que fica na Travessa Tanque Novo e após o descerramento da placa de inauguração, todos os presentes foram convidados a conhecer as dependências do CAPS e participar de um coquetel.

“Nós temos em Andorinha muitas pessoas com transtornos mentais, esse centro de tratamento vai dar mais conforto, tranquilidade, e, principalmente, evitar o transporte para outras cidades. O CAPS vai dar suporte e facilitar a vida dos pacientes com um tratamento “humanizado”, salientou o prefeito Renato Brandão.

A unidade de tratamento leva o nome de Gregório Viana da Silva (1938 -2009) ,saudoso andorinhense portador de problemas de saúde metal. O funcionamento do CAPS será de segunda a sexta-feira, das 8h às 16 horas

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock de Anúncios Detectado

Favor Desabilitar Bloqueador de Anúncios. Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios