BrasilPolitica

Bolsonaro é menino mimado; não aceita derrota, diz Alckmin

Bolsonaro é menino mimado; não aceita derrota, diz Alckmin

Bolsonaro é menino mimado; não aceita derrota, diz Alckmin

O candidato Geraldo Alckmin (PSDB) criticou o adversário Jair Bolsonaro (PSL) por ter dito que não aceitará o resultado da eleição se perder.

“Bolsonaro é como menino mimado que, quando perde o jogo, pega a bola e vai embora”, disse neste sábado (29), na Lapa, em São Paulo.

“É inacreditável. Ele se elegeu sete vezes deputado, e em todas elas a urna funcionou. Agora, se perder não funciona.”

O tucano também condenou a sugestão de Fernando Haddad (PT) de redigir uma nova Constituição.

“É um absurdo, porque você vai ficar um, dois anos discutindo uma nova Carta Magna, quando podemos em seis meses fazer quatro, cinco modificações que vão destravar a economia. O Brasil não pode perder tempo.”

Ele apoiou manifestações de mulheres convocadas para este sábado contra Bolsonaro. “O Brasil tem uma grande dívida com as mulheres.”

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock de Anúncios Detectado

Favor Desabilitar Bloqueador de Anúncios. Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios