Regional

Candidatura de Lula será relançada após julgamento; ato independe de sentença

Foto: Ricardo Stuckert

Um dia após o julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), em Porto Alegre, marcado para o dia 24 de janeiro, o PT relançará a candidatura dele à Presidência da República em 2018. De acordo com informações da coluna Painel, da Folha de S. Paulo, o anúncio deve ser feito durante uma reunião ampliada da executiva da sigla. Senadores, deputados e governadores já foram convocados para o evento. Embora haja a expectativa de que o ex-presidente terá a pena de 9 anos e meio de prisão confirmada pelo tribunal, a ideia do partido é mostrar apoio a Lula, além de apresentar-se como um gesto de resistência. “Vamos provar que este processo é uma farsa e que Lula tem direito de ser presidente de novo”, afirma o presidente do PT-RS, Pepe Vargas. “O TRF-4 será uma das batalhas que enfrentarmos neste 2018”, ressalta o vice-presidente do PT Nacional, Alexandre Padilha. “É por isso que, no dia 25, o PT reunirá seu Diretório Nacional e parlamentares de todo o país para reafirmar o nome de Lula como única opção para a candidatura à Presidência da República nas eleições de outubro”.

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock de Anúncios Detectado

Favor Desabilitar Bloqueador de Anúncios. Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios