Regional

Papa Francisco anuncia fim da possibilidade de recurso para padres que cometem pedofilia

Papa Francisco anuncia fim da possibilidade de recurso para padres que cometem pedofilia

O papa Francisco anunciou nesta quinta-feira (21) que não haverá mais a possibilidade de um religioso efetivamente condenado por abuso sexual contra um menor de idade apresentar recurso. O comunicado foi feito durante a recepção dos membros da Pontifícia Comissão para a Tutela dos Menores, organismo criado pelo pontífice para trabalhar pela educação e prevenção de abusos dentro Igreja Católica.

Durante o seu discurso, Francisco reconheceu o problema presente na Igreja e também a lentidão existente na hora de analisar os muitos casos que chegam. De acordo com ele, os atrasos se devem a dois fatores: a falta de pessoal e os vários pedidos de recurso.

Por esse motivo, o papa anunciou que não será mais possível que, depois de ser condenado por abuso, um religioso possa recorrer. “Se há provas, ponto. (A sentença) é definitiva”, declarou. Em seu discurso, Francisco afirmou que uma pessoa que comete um abuso é “doente” e não pode ser perdoada pois pode voltar a cometer o mesmo crime em pouco tempo. “Temos que botar na cabeça que é uma doença”, afirmou ele, salientando a “tolerância zero contra os abusos”.

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock de Anúncios Detectado

Favor Desabilitar Bloqueador de Anúncios. Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios