Regional

Deputado Roberto Carlos e o ex-prefeito de Filadélfia articularam vitória de Carlos Brasileiro.

Resultado de imagem para roberto carlos pdt

Para evitar que o prefeito de Filadélfia Louro Maia (DEM) assumisse a Presidência do Consórcio, a cúpula do PDT do deputado estadual Roberto Carlos e do ex-prefeito de Filadélfia, Barbosa Junior, decidiram entrar em campo e apoiar a candidatura do prefeito de Senhor do Bonfim, Carlos Brasileiro (PT).

O atual prefeito de Filadélfia, Louro Maia, recentemente esteve participando de entrevista na Radio Caraíba, e confirmou para o repórter, Ivan Silva, que já tinha conversado com Hélio Palmeira (Pindobaçu), Everton Rocha (Jaguarari), Roberto Carlos (Antonio Gonçalves), Candinho (Caldeirão Grande), e todos os prefeitos garantiram votar nele. Mas na hora da votação, a banda desafinou, e o combinado não aconteceu, votaram contra Louro Maia, os prefeitos de Jaguarari e Caldeirão Grande.

Informações que na sexta feira (8), o ex-prefeito de Filadélfia, Barbosa Junior, teria passado a tarde toda na prefeitura de Senhor do Bonfim, justamente articulando a eleição do Consórcio.

Ainda no mesmo dia, o prefeito de Caldeirão esteve em Filadélfia, e teria levado para seu município, uma caçamba e um carro pipa que pertencem ao consórcio, mas que estava sobre a responsabilidade do ex-prefeito Barbosa Junior.

Segundo uma fonte, o voto de Candinho em Carlos Brasileiro, teria lhe rendido também uma audiência com o governador, Rui Costa, agendada por intermédio de Roberto Carlos já para essa semana.

Por diversas vezes, e sem sucesso, nossa equipe tentou falar por telefone com os prefeitos Everton Rocha (Jaguarari), e Candinho (Caldeirão).

Segundo Louro Maia, não foi apenas a interferência do deputado, Roberto Carlos (PDT), que tirou a oportunidade de Filadélfia presidir o consorcio, teve também o rolo compressor do governo do estado; ” eu queria ser eleito presidente para fazer um trabalho diferenciado no consórcio, mais o deputado que diz representar Filadélfia, fez de tudo para eleger o colega Carlos Brasileiro, quem perdeu não foi Louro Maia, e sim, graças ao deputado Roberto Carlos, quem perdeu foi Filadélfia. Quero desejar sorte a Carlinhos, e dizer que estaremos juntos, e juntos nos iremos lutar para colocar nossa região no lugar que ela jamais  deveria ter saído” comentou Maia.

 

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock de Anúncios Detectado

Favor Desabilitar Bloqueador de Anúncios. Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios