Regional

BONFIM: MP poderá recomendar realização de novas provas.

Resultado de imagem para concurso publico

Saco plástico aberto com provas do concurso publico da prefeitura de Bonfim poderá  levar o Ministério Público a pedir suspensão do concurso ou realização de novas provas, ou, para evitar problema deixar com está.

A confusão aumentou ainda mais depois que o Coordenador que estava na sala do Colégio Estadual de Tijuaçu, tomando conta da prova,  confirmou na manhã desta segunda-feira(05),  durante entrevista no Canal Aberto da Rádio Caraíba, que realmente o envelope estava aberto e todo relato foi posto em ata, “A empresa encaminhou as provas dentro de uma caixa lacrada, mas quando abrimos a caixa para pegar o envelope, o mesmo estava aberto, não estava violado, mas estava aberto “, explicou o coordenador contratado para aplicar a prova.

Diante da repercussão que o caso tomou,  inclusive com registro de boletim de ocorrência na polícia,  e várias exposições de vídeos que mostram envelope aberto, a maioria dos inscritos no concurso acham que o melhor seria o Ministério Público solicitar a realização de novas provas, ou se for o caso, recomendar suspensão do concurso público, mas pra isso,  a futura gestão teria que se comprometer em realizar o concurso público ainda no primeiro sementre de 2017″, dessa forma as pessoas já inscritas ganhariam mais tempo para estudar”, sugeriu uma professora.

Uma reunião para discutir a polêmica que gira em torno da realização da prova do concurso vai acontecer nesta terça-feira (06), às 15hs,  na sede do MP.

Deverão participar da reunião:  Representantes da Polícia Civil, Prefeitura e Empresa contratada para realizar o concurso.

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock de Anúncios Detectado

Favor Desabilitar Bloqueador de Anúncios. Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios