Regional

8 remédios caseiros para tratar hemorroidas e ficar livre desse desconforto

8 remédios caseiros para tratar hemorroidas e ficar livre desse desconforto

As hemorroidas são veias da região anal que se dilatam e causam vários incômodos, como dor ao evacuar, caminhar e sentar, coceira e sangue nas fezes ou no papel higiênico. O problema pode surgir como resultado de uma alimentação inadequada e da falta de exercícios físicos, que ocasionam na prisão de ventre. Além disso, as hemorroidas estão ligadas a condições como obesidade, gestação e fatores genéticos.

Quando o grau do problema não é muito alto, é possível tratá-lo adotando medidas como o aumento da ingestão de água e alimentos ricos em fibras e o uso de alguns remédios caseiros, como estes listados a seguir:

1. Pomada de hamamélis

A hamamélis tem ação anti-inflamatória, ajudando a reduzir a coceira, a dor e o inchaço do local. Existem versões prontas da pomada de hamamélis, mas você pode fazer a sua em casa se preferir. Para isso, você deve colocar 4 colheres de sopa de cascas da planta em uma panela com 60 ml de parafina líquida e ferver por 5 minutos. Em seguida, coe a mistura e acrescente 60 ml de glicerina. A pomada deve ser guardada na geladeira em um recipiente bem fechado. Aplique 3 vezes ao dia.

2. Aloe vera

O gel do aloe vera tem propriedades refrescantes e anti-inflamatórias e pode ser utilizado para aliviar o desconforto causado pelas hemorroidas. Nesse caso, você pode aplicar o gel puro diretamente na região. Um cuidado que você deve observar é que pessoas alérgicas a alho e cebola podem apresentar reações adversas ao aloe vera também, então é importante fazer um teste de contato no antebraço e esperar de 24 a 48 horas antes de aplicá-lo no local inflamado.

3. Banho de assento com sal de Epsom

O sal de Epsom (sulfato de magnésio) tem ação anti-inflamatória e ajuda a aliviar a coceira e a dor das hemorroidas. Para preparar o banho de assento, dissolva 125 gramas do sal em 4 litros de água morna. Utilize por 20 a 25 minutos.

4. Compressa de gelo

Temperaturas baixas promovem um relaxamento dos vasos sanguíneos locais, contribuindo para a redução do inchaço na região. Se você não tiver uma bolsa própria para compressas, você pode colocar cubos de gelo dentro de um saco plástico e envolvê-lo em uma toalha. Deixe agir na região por 15 minutos.

5. Psyllium

O psyllium é uma fibra natural solúvel em água originada da casca das sementes da Plantago ovata. Ele tem uma altíssima capacidade de absorção e chega a aumentar até 20 vezes de tamanho quando umedecido, formando um gel que favorece as funções intestinais. Para aliviar a dor causada pelas hemorroidas, indica-se adicionar 1 colher de sopa do psyllium aos alimentos, o que facilita a evacuação.

6. Infusão de camomila

A camomila é uma planta conhecida por suas propriedades calmantes, anti-inflamatórias e refrescantes. Assim, você pode preparar uma infusão com um punhado das flores secas para 3 litros de água, deixando ferver por 10 minutos. Depois desse tempo, filtre a infusão, espere esfriar e utilize-a para lavar a região anal.

7. Banho de assento com cipreste

O cipreste auxilia no combate à dor das hemorroidas e estimula a regeneração dos tecidos afetados. Para fazer o banho de assento, misture 8 gotas do óleo essencial dessa planta em 1,5 litro de água fervente em uma bacia. Espere até a temperatura ficar agradável à pele (nem fria nem quente demais) e sente-se sobre o recipiente por 20 minutos.

8. Lenços com agentes calmantes

O papel higiênico é mais um fator de irritação para as hemorroidas, de forma que o ideal é lavar a região anal com água e sabão depois das evacuações. Porém, quando você não estiver em casa, a dica é carregar lenços na bolsa para substituir o papel.

Você pode utilizar lenços com agentes calmantes, como o aloe vera ou o extrato de hamamélis. Utilize apenas lenços que não contêm álcool ou fragrâncias, porque essas substâncias podem irritar ainda mais a pele já sensibilizada. Caso esses remédios caseiros não surtam efeito em poucos dias, é necessário procurar atendimento médico.

O tratamento pode incluir mudanças no estilo de vida, o uso de pomadas próprias para essa condição, analgésicos e anti-inflamatórios por via oral e, nos casos mais graves, até mesmo uma cirurgia. Se você estiver grávida, sempre consulte seu médico antes de usar qualquer um desses remédios caseiros. Fonte: Dicas de Mulher*

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock de Anúncios Detectado

Favor Desabilitar Bloqueador de Anúncios. Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios