Regional

ANTÔNIO GONÇALVES: Jânio do Zeca lamenta decisão tomada pelo prefeito Roberto Carlos.

O prefeito do município de Antônio Gonçalves, Roberto Carlos (PMDB), exonerou quase oitenta servidores contratados que estavam ocupando cargos do segundo escalão. Como justificativa, segundo algumas pessoas ligadas ao gestor, a culpa seria da Câmara de Vereadores, que ao votar o orçamento, foi dado ao gestor apenas 2% de suplementação.

Ainda segundo as informações, por não ter dinheiro, restou ao gestor exonerar praticamente todos os contratados do segundo escalão.
Na opinião do vereador Jânio do Zeca, não adianta o prefeito colocar a culpa na Câmara, porque a ex-prefeita Irene Vieira foi prefeita, também recebeu 2% de suplementação e não exonerou nenhum servidor “Eu, Sérgio Santos, Jurandir, Célia, Zete e Jean que votamos pelos 2% vamos emitir uma nota explicando a população, porque não vamos aceitar retalhação, o prefeito não fez a festa do Caldeirão e depois saíram dizendo que foi por conta da vereadora Célia que votou nos 2% e a prefeitura não tinha dinheiro. Será que eles acham que o povo é besta, que o povo não pensa e não sabe da coisas?”questionou Jânio.
Nossa equipe tentou falar com o prefeito mas sem sucesso. Ainda segundo Jânio do Zeca, o mais preocupante é que os servidores exonerados correm o risco de não receberem pelos dias trabalhados “Eles trabalharam até o dia 19, e o decreto está com data retroativa, início de janeiro” lembrou Jânio.

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock de Anúncios Detectado

Favor Desabilitar Bloqueador de Anúncios. Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios