Regional

Moção de Pesar pelo falecimento de Junior do MPA foi entregue aos amigos do lavrador

Em sessão solene realizada nesta quinta-feira (14), na Câmara de Vereadores do Município de Senhor do Bonfim, o vereador Ré do Sindicato (PSD), fez a entrega da Moção de Pesar, em razão do falecimento de José Raimundo Mota de Souza Junior, popularmente conhecido nos movimentos sociais como Júnior do MPA, assassinado no dia 13 de Julho de 2017.

Fazendo um resumo sobre o trabalho de Júnior do MPA, o vereador Ré do Sindicato, afirmou que Júnior teve participação ativa nas lutas em prol de uma sociedade mais justa e igualitária para todos, principalmente para os Trabalhadores Rurais de Antônio Gonçalves, da Bahia e do Brasil e a Câmara de Senhor do Bonfim, com apoio de todos os vereadores reconhece o trabalho de Júnior do MPA”, hoje estamos entregando essa moção aos companheiros mais próximos de Júnior, até porque seus familiares ainda se encontram presos em seus lares enquanto os criminosos estão soltos, então queremos reafirmar que essa casa reconhece a luta do companheiro Júnior, na defesa dos menos favorecidos”.

Ainda segundo o vereador, Júnior do MPA, um dos fundadores da Escola Família Agrícola de Antônio Gonçalves, foi morto a tiros no dia 13 de Julho quando estava trabalhando em sua propriedade, na zona rural no município de Antônio Gonçalves.

Logo em seguida o presidente da Câmara solicitou as presenças de Romilson Pereira (representando o MPA), Nego Mano (Presidente da Câmara de Antônio Gonçalves), Jurandir de Jesus (Vereador de Antônio Gonçalves), Luciane Silva (Presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais) e Maria Aparecida (Representante da CPT).

Ainda na noite desta quinta feira (14), o Reitor da Uneb, José Bites, recebeu das mãos  dos vereadores, Ré do Sindicato, e  Doutro Jorginho, Moção de Aplauso pelo  trabalho realizado

Ao receber a Moção de Pesar das mãos do vereador Ré do Sindicato, o representante do MPA Romildo Pereira, lamentou a morte do companheiro e destacou a importância que Júnior tinha na vida dos trabalhadores rurais, “só as pessoas que lutam pelo país são dignas de serem lembradas mesmo após a morte; Júnior foi uma pessoa que soube muito bem representar nossa classe, foi uma semente que se foi, mas novas sementes serão geradas, em nome da família e dos amigos de Júnior do MPA, quero nesse momento agradecer a todos os vereadores”, explanou Romilson Pereira.

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock de Anúncios Detectado

Favor Desabilitar Bloqueador de Anúncios. Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios