Denúncia contra Temer será votada ʹcom certezaʹ até 23 de outubro, garante Maia

Denúncia contra Temer será votada ʹcom certezaʹ até 23 de outubro, garante Maia

O presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) garantiu que “com certeza” a segunda denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB) e os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria-Geral da Presidência) será votada em plenário até o dia 23 de outubro. A declaração do democrata foi feita após ele se reunir, pela segunda vez nesta semana, com a presidente do Supremo Tribunal Federal, ministra Cármen Lúcia, nesta quinta-feira (28).

Na última quarta (27), o presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, Rodrigo Pacheco (PMDB-MG), descartou a possibilidade da denúncia ser fatiada, com votações separadas para presidente e ministros. Ele acrescentou que está encontrando “dificuldades” para escolher um relator.

A denúncia contra Temer foi apresentada pelo então Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, que acusou o peemedebista de tentar obstruir a Justiça e liderar organização criminosa.

em - Regional

Envie um Comentário