Regional

Caixa de Previdência de Antônio Gonçalves teria sido omissa, diz TCM

O Tribunal de Contas dos Municípios aprovou com ressalvas as contas da Caixa de Previdência dos Servidores Municipais – CXPREV de Antônio Gonçalves, na gestão de Paulo Gervano Cavalcante, relativas ao exercício de 2016. O conselheiro relator Alex Aleluia multou  o dirigente em R$1.200,00 por falhas contidas no parecer.

O relatório apontou como falhas a contratação de pessoal sem concurso público ou processo seletivo simplificado, nos meses de outubro, novembro e dezembro, o que provocou um custo de R$2.640,00; omissão na cobrança da dívida ativa; e apresentação fora do prazo do Relatório de Avaliação Atuarial.

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock de Anúncios Detectado

Favor Desabilitar Bloqueador de Anúncios. Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios