JAGUARARI: Apos sentença de pronuncia que leva ex-prefeito ao banco dos réus, Edson Almeida envia nota ao site ivansilvanoticia

Ex-prefeito Edson Almeida afirma, em nota, que é inocente e confia na justiça

O ex-prefeito do município de Jaguarari, Edson Luiz de Almeida, na última semana foi condenado em sentença de pronuncia pela justiça de Jaguarari, por suposto envolvimento na morte do vereador Aliomar Rocha, e agora será levado a júri popular.

Edson Almeida enviou nota de esclarecimento ao site ivansilvanoticia, afirmando que não se conforma com a decisão, uma vez que, não há uma só vírgula de prova da participação dele no crime que vitimou o vereador. O ex prefeito declarou ao site que também irá recorrer em todas as instancias. Ele destacou no final da nota que confia plenamente na justiça, na sua inocência, e sobretudo em Deus.

Confira a nota:

A propósito de recente decisão proferida pela justiça de Jaguarari, que entendeu haver meros indícios, sem qualquer juízo de culpabilidade, suficientes para encaminhar o processo a julgamento pelo júri popular, a mim me cabe esclarecer, em respeito aos familiares e inúmeros amigos, que, como já frisado e do teor da decisão de pronúncia resultou bastante claro, não sofri qualquer condenação, tendo a justiça enxergado apenas indícios a serem esclarecidos no tribunal do júri.

Não me conformando com o teor da decisão, desprovida de qualquer conteúdo condenatório, solicitei de meus advogados que apresentassem recursos, inclusive para fins de apreciação junto ao Tribunal de Justiça da Bahia, onde acredito piamente que a decisão será reformada, uma vez que, repito, não há uma só vírgula de prova de minha participação no evento delituoso objeto do processo.

Confio plenamente na justiça, na minha inocência, e sobretudo em Deus.

Lanço um desafio a todos que me acusam: que tragam qualquer fagulha de prova de minha participação nesse episódio!

Era o que me cabia esclarecer, neste momento, em respeito aos meus familiares e os milhares de pessoas que a mim são ligadas afetivamente.

Jaguarari-BA, em 08 de agosto de 2017.

EDSON LUIZ DE ALMEIDA

em - Regional

Envie um Comentário