BONFIM: Vereador declara que se for para defender o povo briga com garras e dentes.

Na sessão da Câmara desta quinta-feira (31), o vereador Doutor Jorginho(PSD),  um dos patrocinadores dos festejos da localidade de Umburana, que teve também apoio da prefeitura,  registrou na tribuna o sucesso da festa,  aonde segundo ele, além da festa religiosa,  aonde acontece a procissão, teve também a festa profana com apresentações de três bandas.  Por conta da realização do evento,  o vereador destacou que esteve antes na localidade acompanhando o patrolamento da estrada, e aproveitou e solicitou que a máquina fosse passada no campo de futebol “Eu não me canso de trabalhar,  se for para defender o povo eu defendo com garras e dentes,  e o vereador Laércio Júnior deixe de tá falando que vereador não trabalha, porque eu mesmo trabalho” disse o vereador.
Ainda na tribuna da Câmara, o parlamentar lamentou o fato das pessoas terem que chegarem na Defensoria pública mais de uma hora da madrugada, apenas para pegar uma senha, e só serem atendidas depois de vinte dias “Precisamos conversar com os defensores,  eles recebem do estado para atender o povo carente que não tem condições de pagar um advogado. Precisamos saber o que está acontecendo, ou então temos que tomar outras providências” disse o vereador.
Como crítica também, o vereador lamentou as ações adotadas pela Coelba, segundo ele, não está respeitando ninguém, nem mesmo o prefeito que é a maior autoridade no município “Interrompe o fornecimento de energia sem prévia comunicação,  corta os fios de internet deixando as pessoas sem o sinal,  pra falara a verdade a Coelba não respeita nem o prefeito, porque também desligou a rede da prefeitura sem comunicar nada”criticou Jorginho.
O vereador ainda parabenizou o município pela limpeza que fez na Praça dos bancos, e cobrou do presidente da Câmara, que além das sessões itinerantes nos povoados e distritos, que a casa possa também realizar sessões itinerantes nos bairros, a exemplo do Águas Claras, Alto do Cigano, Olaria,  Cidade Nova II, e Alto da Maravilha.
em - Regional

Envie um Comentário