Regional

Presidente da Câmara de Andorinha cobra do prefeito agilidade na implantação do Sistema de Vídeo Monitoramento.

100_7584
Foto:Ivan Silva
A Câmara de Vereadores de Andorinha,  iniciou quinta-feira (09),  com realização de uma sessão solene,  seus trabalhos para o ano 2017.
A sessão foi presidida pelo presidente da casa,  vereador Marinaldo de Oliveira, que registrou e agradeceu as presenças do prefeito,  Renato Brandão,  vice-prefeito, Ze Lito,  vereadores,  secretários,  ex-prefeito,  José  Braco,  e as pessoas que lotaram a galeria da casa.
Após ouvir atentamente os pronunciamentos do prefeito, Renato Brandão,  e dos colegas vereadores,  o presidente  da Câmara, Marinaldo de Oliveira, convidou o vice-presidente, Pega Bala, para assumir a coordenação dos trabalhos enquanto fazia uso da tribuna.
Durante sua fala,  o presidente confirmou apoio dentro do possível ao vereadores,  e ainda adiantou que os recursos da Câmara, serão aplicados na casa,  que deverá ser ampliada e passará por reforma “o dinheiro dessa casa será gasto aqui mesmo,  gasto com responsabilidade e dentro da transparência. Vamos ampliar a casa,  e pode ter certeza que essa casa que é do povo vai ficar linda”disse o presidente.
Depois de parabenizar a Secretária de Educação, Lurdineia Guimarães,  pelo trabalho que vem sendo realizado no município,  e pela organização da jornada  pedagógica, o presidente aproveitou e cobrou mais empenho do Secretário de Saúde, Paulo Campos,  na opinião de Marinaldo,  a saúde em Andorinha está boa, só que o secretário tem competência de deixar ainda melhor.
Promessa: O presidente garantiu que este ano a Câmara aprovará o Plano Diretor.  Vai realizar audiências com a população e vai cobrar do executivo o enviou da plano diretor para a Câmara.
Preocupado com a segurança,  o vereador e presidente da Câmara, Marinaldo de Oliveira,  cobrou do prefeito,  Renato Brandão,  a instalacão com urgência do sistema de vídeo monitoramento tanto na sede,  como também na zona rural,  segundo ele,  o município tem que sentar com alguma empresa de internet para discutir a possibilidade “estive em Salvador conversando com a gerência da Caixa Econômica, e já nos garantiram cinco mil reais.  Agora temos que buscar parceiros,  Bradesco, comércio,  e Ferbasa” disse Marinaldo.
O vereador também lembrou que esse anos,  o prefeito tem que dobrar suas atenções para a questão do aterro sanitário “esse é o último ano,  o prazo termina agora,  e temos que correr contra o tempo” lembrou.
Fonte: ivansilvanoticia.com.br

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock de Anúncios Detectado

Favor Desabilitar Bloqueador de Anúncios. Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios