Sérgio Moro manda soltar réu da Lava Jato por fiança de R$ 300 mil

Marcelo Rodrigues, preso na 26ª fase da Operação Lava Jato, teve sua liberdade autorizada pelo juiz federal Sérgio Moro, após pagar R$ 300 mil de fiança. O mandado de soltura foi expedido na noite de sexta-feira (27), depois que o valor foi bloqueado pelo Banco Central. Marcelo saiu do Complexo Médico-Penal de Curitiba na manhã deste sábado (28). Segundo o G1, Marcelo Rodrigues é réu na Lava Jato por operar e controlar no exterior contas usadas pela Odebrecht para pagamentos de propinas O acusado, que foi preso em março deste ano, não possuía o valor da fiança e conseguiu que a Justiça bloqueasse a quantia da conta do irmão dele, Olívio Rodrigues, que também é réu no mesmo processo. De acordo com o Ministério Público Federal, o Setor de Operações Estruturadas usava Marcelo e Olívio na operação dos pagamentos ilícitos através da contabilidade da Odebrecht. O processo ainda tem como réus, além dos irmãos Rodrigues, o ex-presidente do Grupo Odebrecht, Marcelo Odebrecht, o publicitário João Santana e a mulher dele, Monica Moura, e o ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto.

em - Regional

Envie um Comentário