Regional

Campo Formoso: Sec. de Saúde confirma caso de gripe H1N1 – Paciente já teve alta e não corre perigo.

A Secretaria Municipal de Saúde da Prefeitura de Campo Formoso confirmou na manhã de hoje (02), a ocorrência de um caso de gripe H1N1 no município. Segundo informações da Assessoria da prefeitura, o paciente teve os cuidados hospitalares necessários e já está com alta médica, sem perigo de contágio da doença.

A prefeitura informou em nota, que o paciente é morador do interior do município, uma criança de 1 ano e 6 meses, que portanto ainda não frenquenta o meio escolar, o que dificultou o contágio para outras crianças. A Secretaria de Saúde, através da Vigilância Epidemiológica, acompanhou a situação e não encontrou outros casos suspeitos e está fazendo o bloqueio vacinal na localidade da ocorrência. Acompanhe a nota na íntegra.

(Nota à imprensa)

A Secretaria Municipal de Saúde da Prefeitura de Campo Formoso vem a público informar a imprensa e a população que foi confirmado o primeiro caso de Gripe – influenza H1N1 no município. O paciente diagnosticado recebeu todos os cuidados médicos necessários, já está de alta médica e não oferece mais risco de contágio.

O caso aconteceu no interior do município, em um paciente de apenas 1 ano e 6 meses de idade, portanto, que ainda não frequenta o meio escolar. A Vigilância Epidemiológica Municipal fez o acompanhamento, não foi encontrado novos casos suspeitos e está realizando um bloqueio vacinal na localidade.

A Secretaria de Saúde informa que os profissionais de saúde estão mobilizados e atentos para monitorar qualquer caso suspeito que possa surgir. A orientação a população é que aos sinais da gripe H1N1, que inclui febre alta e súbita, falta de ar e cansaço excessivo, as unidades de saúde e hospital devem ser procurados.

A vacinação contra a gripe continua em Campo Formoso, porém, é importante lembrar que por determinação do Governo Federal apenas os grupos prioritários estão recebendo a vacinação: idosos, crianças menores de 5 anos, gestantes, puérperas, e pessoas com doenças crônicas.

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock de Anúncios Detectado

Favor Desabilitar Bloqueador de Anúncios. Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios