Presidente do PTB vai denunciar ao ministério Público valores que o município pagar artistas que irão se apresentar no São João.

Toinho Cerqueira (Presidente do PTB)

O município de Senhor do Bonfim,  aos poucos tem divulgado os nomes das atrações que esse ano irão se apresentar na Capital Baiana do Forró.

Entre as atrações, o que mais tem chamado a atenção das pessoas que defende a tradição,  é a contratação de Sertanejos para participarem da grade oficial de uma festa que já esteve entre as melhores do Brasil por manter a tradição de contratar apenas atrações do gênero forró.

Além de Flávio José,  o município anuncia as contratações de: Bruno e Marrone,  Victor e Léo e Léo Magalhães.

Diante da inclusão das duplas Sertanejas no São João, já tem pessoas comentando que em Junho,  acontecerá em Senhor do Bonfim, o encontro Sertanejo na Capital Baiana do Forró.

Revoltado não com a contratação dos Sertanejos,  mas com os valores dos contratos,  aonde apenas o cachê da dupla sertaneja Bruno e Marrone,  chega a R$ 270.000, 00 (duzentos e setenta mil reais),  Victor e Léo,  R$ 250.000,00 (duzentos e cinqüenta mil reais),  e Léo Magalhães R$ 170.000,00 (cento e setenta mil reais), aonde apenas, com os três sertanejos o município vai gastar R$ 690.000,00 (seiscentos e noventa mil reais), diante dos valores, o presidente do PTB de Senhor do Bonfim,  revelou que iria formular uma representação no Ministério Público,  solicitando  apuração na contratação dos artistas.

em - Regional

Envie um Comentário